Publicada a obra "Mutações Constitucionais"

Publicado em Sex, 25/11/2016 - 16:59

 
Foi publicada pela editora brasileira Saraiva, a obra "Mutações Constitucionais", resultado de um projeto de pesquisa internacional conduzido pelo Centro de Investigação de Direito Público (CIDP) e pelo Instituto Brasiliense de Direito Público (IDP).

Considerando a relevância e atualidade do debate, a obra direciona-se não apenas aos pesquisadores da seara constitucional, mas aos juristas das mais diversas áreas que buscam uma compreensão mais aprofundada sobre os desafios postos à jurisdição constitucional nas sociedades democráticas.

Esta obra, coordenada pelo Ministro Gilmar Ferreira Mendes e pelo Professor Doutor Carlos Blanco de Morais, reúne contribuições de renomados autores do direito brasileiro e português que exploram esse fenômeno com profundidade teórica numa linguagem fluida e acessível, tratando-se de uma leitura obrigatória para aqueles que buscam compreender criticamente os desafios atuais da jurisdição constitucional no âmbito do pluralismo democrático.

Mais informações na página da publicação.
 
 

 

O Professor Vincenzo Cerulli Irelli irá proferir a Lecture "Public Property and Common Rights", no dia 8 de março de 2019, pelas 18h, no Auditório Caleidoscópio da...

 

...
...

O Centro de Investigação de...

A CMS Rui Pena & Arnaut, Sociedade de Advogados e o ECO/ADVOCATUS resolveram criar o "Prémio Rui Pena - Direito da Energia" destinado a distinguir anualmente o melhor...

O Curso de Técnicas de Negociação em Contexto Jurídico tem despertado a atenção de vários órgãos da comunicação social. Damos nota de duas notícias recentes, uma publicada no...

O Centro de Investigação de Direito Público (CIDP) informa advogados, magistrados do ministério público e juizes portugueses que estão abertas candidaturas para os seguintes workshops...

O Instituto de Ciências Jurídico-Políticas (ICJP) da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, celebrou um convénio de colaboração com o Conselho Arbitral do Estado de São...

Páginas

black