Prof. Giovanni Sartori (1924-2017)

Publicado em Qui, 06/04/2017 - 20:30

O Instituto de Ciências Jurídico-Políticas assinala e lamenta o falecimento, com 92 anos, do Professor Giovanni Sartori, no passado dia 4 de abril.

Giovanni Sartori foi um nome extraordinário da academia e ciência política italiana. Não sendo um constitucionalista de formação, os seus trabalhos, por exemplo sobre os sistemas de partidos e a sua relação com os sistemas eleitorais, a teoria da democracia, o impacto do audiovisual na opinião pública e no exercício do poder  ou a engenharia constitucional comparada, inspiraram gerações de juristas, académicos e publicistas.

Giovanni Sartori nasceu em Florença. Era Professor Emeritus Albert Schweitzer da Universidade de Columbia e Professor Emeritus da Universidade de Florença.

Teve uma vida académica notável e preenchida. Ensinou na Universidade de Florença, no Instituto Universitário Europeu, na Universidade de Stanford, na Universidade de Columbia, na Universidade de Harvard ou na Universidade de Yale. Recebeu inúmeros doutoramentos honoris causa e colecionou prémios internacionais de obra e carreira.

Civicamente empenhado, continuou, até no avançar da idade, a escrever regularmente para a imprensa italiana, influenciando decisões políticas e a formação da opinião pública.

 
Já se encontram disponibilizadas neste website, as reportagens relativas aos trabalhos do Seminário Luso-Brasileiro de Direito, realizado nos passados dias 29, 30 e 31 de março de 2016, na...

O Instituto de Ciências Jurídico-Políticas felicita vivamente o Prof. Doutor Marcelo Rebelo de Sousa  pela sua eleição para Presidente da República, desejando-lhe as maiores felicidades no...

No dia 13 de Janeiro o atual membro e ex Presidente do STF do Brasil e Vice Presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Prof. Doutor Gilmar Mendes proferiu, a convite do Prof. Doutor Carlos Blanco...

 
A e-Pública é a primeira revista jurídica portuguesa a ser aceite pela SciELO -...

O Presidente da República Portuguesa, Prof. Doutor Aníbal Cavaco Silva, condecorou com o grau de Grande-Oficial da Ordem do Infante D. Henrique, o Prof. Doutor Carlos Blanco de Morais, que cessou...

Páginas

black