Convénio com o CAESP e EPMESC

Publicado em Sex, 08/06/2018 - 08:51

O Instituto de Ciências Jurídico-Políticas (ICJP) da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, celebrou um convénio de colaboração com o Conselho Arbitral do Estado de São Paulo (CAESP) e com a Escola Paulista de Métodos Extrajudiciais de Solução de Conflitos (EPMESC). O CAESP é uma entidade privada, independente e sem fins lucrativos, fundada em 1998, que tem por objetivo harmonizar as relações humanas através da Mediação e da Arbitragem; a EPMESC é uma escola que oferece ensino de qualidade para o pleno conhecimento dos métodos extrajudiciais de soluções de conflitos, destacando a Arbitragem, a Mediação, o Dispute Boards, a Conciliação, a Negociação e demais formas alternativas de resolução de conflitos. O presente convénio tem em vista o desenvolvimento do intercâmbio e cooperação técnica em matéria de resolução alternativa de litígios, bem como a organização e promoção, nos respetivos países, de ações de formação referentes a questões relacionadas com a Arbitragem e outras vias de resolução alternativa de litígios. Foi assinado no dia 4 de Junho, pelo Presidente da Direção do ICJP, Prof. Doutor Carlos Blanco de Morais e pela Diretora de Relações Internacionais do CAESP, Dra. Luisa Fernandes.

 
Já se encontram disponibilizadas neste website, as reportagens relativas aos trabalhos do Seminário Luso-Brasileiro de Direito, realizado nos passados dias 29, 30 e 31 de março de 2016, na...

O Instituto de Ciências Jurídico-Políticas felicita vivamente o Prof. Doutor Marcelo Rebelo de Sousa  pela sua eleição para Presidente da República, desejando-lhe as maiores felicidades no...

No dia 13 de Janeiro o atual membro e ex Presidente do STF do Brasil e Vice Presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Prof. Doutor Gilmar Mendes proferiu, a convite do Prof. Doutor Carlos Blanco...

 
A e-Pública é a primeira revista jurídica portuguesa a ser aceite pela SciELO -...

O Presidente da República Portuguesa, Prof. Doutor Aníbal Cavaco Silva, condecorou com o grau de Grande-Oficial da Ordem do Infante D. Henrique, o Prof. Doutor Carlos Blanco de Morais, que cessou...

Páginas

black